FANDOM


Pakura

ParukaAnime.png

Pakura

Estréia
Mangá Capítulo #516
Anime Naruto Shippūden Episódio #261
Aparece em Anime e Mangá
Dubladores
Japonês Yukari Oribe
Informações Pessoais
Estado Símbolo Falecido.png Falecida
Kekkei Genkai Símbolo Shakuton.svg Liberação de Calor
Afiliação Símbolo Sunagakure.svg Sunagakure
Tipo de Natureza

Símbolo Shakuton.svg Liberação de Calor
Símbolo Katon.svg Liberação de Fogo
Símbolo Futon.svg Liberação de Vento

Pakura (パクラ, Pakura) foi uma kunoichi famosa de Sunagakure durante sua vida.

Passado Editar

Morte de Pakura.png

Pakura sendo morta.

No anime, o passado de Pakura é explicado. Pakura, que costumava ser a mentora de Maki antes de sua morte, foi enviada em uma missão para impedir os planos de Iwagakure durante a sua rivalidade com Suna, realizando-a com sucesso, ela foi aclamada uma heroína pela aldeia. Algum tempo depois, Pakura foi enviada em uma outra missão à Kirigakure, para atuar como uma mensageira, mas ela foi traída e morta por uma emboscada. Após sua morte, o Quarto Kazekage e os Idosos culparam Iwagakure pela sua morte.[1]

Personalidade Editar

Pakura parece ter uma espécie de código moral, mostrado quando ela estava surpresa por ter que lutar contra o que ela considera "crianças".[2] No anime, é mostrado que ela está ressentida com ambas Suna e Kiri pela traição que levou à sua morte. No entanto, depois de ver Maki e a determinação dos companheiros de Maki, Pakura decide "dar às crianças uma chance de mudar o futuro", antes de sua personalidade ser eliminada novamente.[1]

Aparência Editar

Pakura durante sua vida.png

Pakura durante sua vida.

Pakura era um kunoichi bastante alta. Ela tinha pele clara e olhos castanhos sem pupila. Ela tinha cabelos verdes amarrados em um coque no alto da cabeça com uma agulha de cabelo que passa por eles e longos fios de cabelo com as pontas laranjas emoldurando cada lado do rosto. Seu traje típico consistia de um top sem mangas, com costas nuas e calças apertadas curtas, com duas lapelas na frente e nas costas. Ela usava um obi em torno de sua cintura, bem como aquecedores de braço roxos que se estendem até os ombros, e tem ataduras em torno de sua meia-calça e tornozelos. Como todos os shinobi reencarnados, as únicas mudanças na aparência de Pakura foram escleras cinzas.

Habilidades Editar

Pakura era uma kunoichi renomada, cujas habilidades lhe renderam fama suficiente durante sua vida que Kabuto escolheu reencarná-la para lutar pela Akatsuki. No anime, ela mostrou ser uma lutadora altamente perspicaz, capaz de ver através da maioria dos truques e reagir rapidamente. Ela também foi uma lutadora de curto alcance habilidosa, capaz de lutar contra um usuário de kenjutsu como Omoi armada com uma kunai.[1]

Transformação da Natureza Editar

Shakuton.png

Pakura utilizando a liberação de calor.

Ela possui uma kekkei genkai conhecida como Liberação de Calor.[3] Ao combinar duas naturezas de chakra, insinuado ser fogo e vento,[4] ela pode criar orbes térmicos que "mumificam" os seus inimigos, matando-os, aparentemente por evaporação de toda a umidade em seus corpos. Pakura exibe essa capacidade quando utiliza a Liberação de Calor: Assassinato do Vapor Extremo;[5] combinado com sua incrível agilidade, ela conseguiu matar membros das Forças Aliadas Shinobi em um curto espaço de tempo. No anime, ela combinou todas as suas esferas de calor em uma imensa que era forte o suficiente para queimar completamente uma ampla área de uma floresta.[1]

Parte II Editar

Arco Guerra Mundial Shinobi Editar

Ataque dos Edo Tensei.png

Pakura e seus companheiros shinobi reencarnados atacam a Terceira Divisão.

Em preparação para a Quarta Guerra Mundial Shinobi, Pakura foi reencarnada por Kabuto Yakushi para lutar contra as Forças Aliadas Shinobi, antes de ser mobilizada ao lado de Gari, Toroi, Haku e Zabuza Momochi.

Emboscada pela Divisão de Ataque Surpresa, Pakura tinha feridas causadas pelas Etiquetas Explosivas lançadas pelos pássaros de tinta de Sai, porém as feridas são rapidamente regeneradas. Oscilante em atacar o que em sua vista são simplesmente "crianças", Pakura é obrigada a atacar seus adversários, no entanto, felizmente, é interceptada por um membro da Terceira Divisão. Depois de Kabuto esvaziar sua consciência, Pakura utiliza  sua técnica Liberação de Calor: Assassinato do Vapor Extremo, mumificando vários shinobi.

Pakura Mumificando Vários Shinobi.png

Pakura mumificando vários shinobi.

Ela e Gari foram utilizados para invocar a geração anterior dos Sete Espadachins da Névoa para massacrar os inimigos. Após invoca-los, Pakura recua a uma longa distância, podendo se defender com sucesso e aguardar novos objetivos, enquanto os espadachin começam seu silencioso massacre.

No anime, ao amanhecer do segundo dia de guerra, Pakura reapareceu no campo de batalha. Pakura localiza a equipe liderada por Monga e mumifica os shinobi. Pakura ficou surpresa ao ver sua aluna crescida, Maki, e explicou que ela queria "desabafar sua frustração" por seus manipuladores e seus traidores. Pakura revelou sua missão secreta para Maki e também revelou que ela foi morta pelo ninja de Kirigakure em um ato de traição, que Sunagakure tinha acordado.

Curiosidades Editar

Citações Editar

  • (Para Maki) "Você quer ficar mais forte para ter vingança, certo? Esses sentimentos vão fazer você mais forte! Seus sentimentos por sua família, esta vila, seus amigos nesta vila e o desejo de defender esta vila é o que faz um shinobi forte!"[1]

Referências Editar

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 Naruto: Shippūden episódio 285
  2. Naruto capítulo 521, página 13
  3. Naruto capítulo 522, página 7
  4. Naruto capítulo 634, página 16
  5. Naruto capítulo 522, página 13

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória